sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Comemoremos!



Vez em quando, gosto de me fazer algumas perguntas. Gosto de questionar o motivo de eu fazer ou deixar de fazer algo e hoje, na iminência dos quinze mil acessos, voltei a me perguntar: por que diabos estou nessa de escrever? A resposta continua parecida com a anterior. Um pouco mais refinada e mais sincera, talvez.

Escrevo porque simplesmente não posso viver sem isso. Viciei-me nas palavras e estou irrecuperavelmente fadada a fazer reflexões e confissões - retratos de alma em forma de letras - até quando minha sanidade mental permitir. Componho textos porque em vários momentos meus pensamentos transbordam, porque eles não conseguem se aquietar. Faço isso porque não consigo pensar em outra maneira de ser.

Talvez o motivo principal seja pura e simplesmente o seguinte: escrevo porque isso me faz feliz.

Deixo aqui o meu mais profundo agradecimento a todos os meus leitores (acho muito chique dizer isso... hahahahahah). Agradeço a cada um que acompanha minhas ideias malucas e que trata com tanto respeito essas palavras que eu deixo por aqui.

Um beijo enorme
Fê Coelho



5 comentários:

Rachel disse...

Aeeeeeee tia "Fernana",parabéns!!! Vc merece... adoro seus textos!!! Keep on writing cause you make us very happy too!!!!

Tais Luso disse...

Oi, Fernanda, escrevemos porque gostamos e temos algo para dizer; aliás, escrever é a melhor maneira de dizermos as coisas sem sermos interrompidas!

Um grande beijo, amiga!
Tais luso

Haziel disse...

Parabéns,moça!! e que venham os 100.000

Abraço

Baltazar Escritor disse...

Parabéns Fê, além de quem você é e sempre foi uma ótima escritora e parte da explicação do seu sucesso está no seu incrível talento. Você merece isso e muito mais ^^

Lívia Azzi disse...

Olá, Fernanda!!

Há muito tempo estou para comentar seus belos textos. Por sincronismo consegui faze-lo hoje nessa data tão especial para nós!

15.000 de muitos outros milhares e milhares que virão todas as primaveras, sabemos que sim!!

Identifico-me muito com sua forma delicada e profunda de brincar com as palavras, se entregando e se transformando com elas.

Estamos no mesmo time e vai dar certo! O que sentimos é muito mais que amadorismo, nós somos tomadas pelas palavras e também tomamos os leitores com nossos escritos.

Pois o que sinto quando te leio é o mesmo que sinto por escrever: uma coisa muito boa e que me movimenta.

Grande abraço e milhares de parabéns!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...